DEPOIMENTO: W. A. Confinados, por Márcia Metz (TRANSIT 2020)

A atriz Márcia Metz fala de suas impressões após um dia intensivo de pesquisa, ensaios e gravação, realizados no dia 30 de setembro em Porto Alegre – RS.

O texto da alemã Sibylle Berg será encenado, de forma independente, por dois diretores, além de Leandro Silva, por Julia Ludwig, dentro do projeto Transit 2020. As montagens são uma corealização do Goethe-Institut Porto Alegre e Fecomercio/Sesc RS em parceria com o AGORA.

DEPOIMENTO: W. A. Confinados, por Paulo Roberto Farias (TRANSIT 2020)

O ator Paulo Roberto Farias fala de suas impressões após um dia intensivo de pesquisa, ensaios e gravação, realizados no dia 25 de setembro em Porto Alegre – RS.

O texto da alemã Sibylle Berg será encenado, de forma independente, por dois diretores, além de Leandro Silva, por Julia Ludwig, dentro do projeto Transit 2020. As montagens são uma corealização do Goethe-Institut Porto Alegre e Fecomercio/Sesc RS em parceria com o AGORA.

DEPOIMENTO: W. A. Confinados, por José Renato Lopes (TRANSIT 2020)

O ator José Renato Lopes fala sobre sua participação na experiência de criação cênica da obra Wonderland Ave, realizada no dia 24 de setembro de 2020, em sua casa em Porto Alegre-RS.

O texto da alemã Sibylle Berg será encenado, de forma independente, por dois diretores, além de Leandro Silva, por Julia Ludwig, dentro do projeto Transit 2020. As montagens são uma corealização do Goethe-Institut Porto Alegre e Fecomercio/Sesc RS em parceria com o AGORA.

DEPOIMENTO: W. A. Confinados, por Marco Marchessano (TRANSIT 2020)

O ator Marco Marchessano fala sobre sua participação na experiência de criação cênica da obra Wonderland Ave, realizada no dia 22 de setembro de 2020, em sua casa em Canoas-RS.

O texto da alemã Sibylle Berg será encenado, de forma independente, por dois diretores, além de Leandro Silva, por Julia Ludwig, dentro do projeto Transit 2020. As montagens são uma corealização do Goethe-Institut Porto Alegre e Fecomercio/Sesc RS em parceria com o AGORA.

Podcast Contos de Fadas e suas Origens. Tema: O Flautista de Hamelin e a Epidemia de Dança de 1518

Divulgação Redes Sociais_Podcast Contos de Fadas e suas Origens_O Flautista de Hamelin

O podcast apresenta um dos temas do curso “Contos de Fadas e suas Origens” realizado pelo artista bonequeiro e pesquisador Leandro Silva no período de 2016 a 2018, com quatro edições de muito sucesso na cidade de Porto Alegre/RS, porém com uma abordagem inédita. Neste podcast, dividido em duas partes, o artista faz uma análise do conto “O Flautista de Hamelin” e, em consonância com o contexto que estamos vivendo da epidemia global da Covid-19, faz uma conexão com o misterioso fenômeno da Epidemia de Dança de 1518, um caso de dançomania e histeria coletiva ocorrido em Estrasburgo, França, então parte do Sacro Império Romano-Germânico em julho de 1518. Lúdico e instigante, o podcast apresenta aspectos históricos, simbólicos e filosóficos sobre o tema, oferecendo aos ouvintes um momento único de formação e provocação durante a quarentena. 

Pesquisa, edição e produção: Leandro Silva

Financiamento: FAC Digital RS (FEEVALE, Pró-cultura RS/ SEDAC RS)

A realização deste trabalho atendeu todos os protocolos de prevenção à Covid-19, conforme estabelecido pela OMS e demais autoridades de saúde.

Estes podcasts foram realizados no âmbito do Edital FAC Digital, realizado pela Secretaria de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul e Universidade Feevale, através do PRÓ-CULTURA RS.