LIVE DE ABERTURA DO PROJETO GAPS & SINAPSES

Fotografia: Processo de criação do espetáculo COMA. Autor: Leandro Silva.

No próximo dia 20/02, sábado, o coordenador geral do projeto Marco Marchessano e o oficineiro Leandro Silva realizam uma live de abertura do projeto GAPS & SINAPSES nas redes sociais. 

Na ocasião, serão apresentados o projeto, as atividades propostas, as readequações por conta da pandemia da Covid-19 e o programa completo do curso, com a metodologia e os temas de estudos.

SERVIÇO:

Live de Abertura do GAPS & SINAPSES

Data: 20 de fevereiro de 2021, sábado.

Horário: 09 horas.

Local: https://www.facebook.com/gapsesinapses 

O GAPS & SINAPSES vai oferecer uma oficina de formação artística nas áreas de Teatro de Animação Contemporâneo e Poéticas Tecnológicas com a duração de 06 meses. Os participantes receberão a orientação para o desenvolvimento de projetos individuais ou coletivos de performances teatrais que culminará com a realização de uma mostra aberta. Por conta da pandemia, as atividades formativas serão realizadas nas modalidades virtuais ou semi-presenciais, conforme os protocolos vigentes de prevenção à Covid-19.

As inscrições são gratuitas, seguem até o dia 17/02, às 23:59h. 

Ficha de Inscrição: https://url.gratis/D6COb 

Serão emitidos certificados aos participantes que concluírem o processo de formação (75%). 

MAIS INFORMAÇÕES:

E-mail: gapsesinapses@gmail.com 

Telefone/WhatsApp: (51) 98546-5143

Blog do Projeto: www.gapsesinapses.wordpress.com 

O projeto GAPS & SINAPSES: Oficina de Teatro de Animação Contemporâneo e Poéticas Tecnológicas com Mostra de Intervenções Performáticas está sendo realizado com recursos do Governo do Estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-cultura RS FAC – Fundo de Apoio à Cultura.

INSCRIÇÕES PRORROGADAS! GAPS & SINAPSES RECEBEM INSCRIÇÕES ATÉ 17/02

Prorrogamos as inscrições para o projeto GAPS & SINAPSES para até o dia 17 de fevereiro, quarta-feira. Também será possível a inscrição de interessados fora do município de Canoas, RS. Para tanto, a equipe irá montar um grupo de orientação virtual e o desenvolvimento de parte da Mostra de Encerramento com trabalhos digitais. Aproveite e faça a sua inscrição!

O GAPS & SINAPSES vai oferecer uma oficina de formação artística nas áreas de Teatro de Animação Contemporâneo e Poéticas Tecnológicas com a duração de 06 meses. Os participantes receberão a orientação para o desenvolvimento de projetos individuais ou coletivos de performances teatrais que culminará com a realização de uma mostra aberta.

SERVIÇO:

Inscrições: até 17 de fevereiro de 2021, às 23:59h.

Ficha de Inscrição: https://url.gratis/D6COb

Período da Oficina de Formação:  20 de fevereiro a 10 de julho de 2021, sempre aos sábados, das 9 às 12 horas. 

Mostra de Intervenções Performáticas: 24 de julho de 2021 (previsto).

Requisitos: idade mínima de 16 anos, ter acesso a internet através de celular ou computador, com câmera. Não é necessária nenhuma experiência artística anterior.

As inscrições são gratuitas e serão emitidos certificados aos participantes que concluírem o processo de formação (75%). Por conta da pandemia, as atividades formativas serão realizadas nas modalidades virtuais ou semi-presenciais, conforme os protocolos vigentes de prevenção à Covid-19.

Entre os temas abordados na formação, serão discutidos: Teatro de Animação Contemporâneo, Duplos do Ator: Bonecos, Máscaras e Objetos, O Ator Animador, Pós-Humano, Arte, Cena e Tecnologia, Poéticas Tecnológicas, Teatro-Máquina. Integra ainda o programa de formação uma vivência especial sobre Teatro-Máquina com a reconhecida companhia De Pernas Pro Ar de Canoas – RS e seu espaço de criação, o Inventário.

MAIS INFORMAÇÕES:

E-mail: gapsesinapses@gmail.com 

Telefone/WhatsApp: (51) 98546-5143

Blog do Projeto: www.gapsesinapses.wordpress.com 

O projeto GAPS & SINAPSES: Oficina de Teatro de Animação Contemporâneo e Poéticas Tecnológicas com Mostra de Intervenções Performáticas está sendo realizado com recursos do Governo do Estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-cultura RS FAC – Fundo de Apoio à Cultura.

[INSCRIÇÕES ABERTAS] CURSO CONTOS DE FADAS E SUAS ORIGENS – 5ª EDIÇÃO VIRTUAL

Edição virtual e gratuita, apoiada pelos Editais Emergenciais de Auxílio à Cultura da Prefeitura Municipal de Porto Alegre e voltada especialmente para educadores e curiosos.

Os contos de fadas encantam crianças e adultos de todo o mundo e em todos os tempos. Bastamos ouvir um “Era uma vez…” para nos vermos transportados para outros mundos, repletos de magia e transformação. São histórias carreadas de conteúdos simbólicos universais, trazendo nas suas origens – muitas vezes sangrentas e misteriosas –  a síntese da aventura humana sobre a face da Terra. O curso intensivo “Contos de Fadas e suas Origens”, criado pelo artista e pesquisador Leandro Silva em 2015, objetiva refletir de forma lúdica e aprofundada os conteúdos históricos, simbólicos e filosóficos por trás dos principais contos de fadas, suas transformações ao longo do tempo, bem como as mensagens universais que iluminam nossas mais humanas inquietações. Com o apoio dos Editais Emergenciais de Auxílio à Cultura da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, apresentamos esta 5ª edição, totalmente virtual e gratuita, e voltada especialmente para educadores e curiosos.

As aulas serão totalmente online em salas fechadas com os participantes (síncronas) e serão posteriormente disponibilizadas no canal do Youtube do artista para acesso amplo.

Público: Educadores, pedagogos, artistas e curiosos. Idade: a partir de 16 anos.

Vagas: 30 vagas, das quais 20 serão destinadas para professores e 10 para o público em geral.

Certificação: digital, encaminhado para o e-mail cadastrado na inscrição, para os que realizarem 75% das videoaulas e entregarem o trabalho de conclusão.

Carga horária: 12 horas (08 horas de aulas virtuais síncronas + 04 horas trabalho de conclusão)

Inscrição: de 14 a 27 de outubro de 2020, através do link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSf334VaU6s45YdkP4NCPjVez7LNtpnBbVuZdHP8-WMK1D_zWg/viewform 

Encontros virtuais síncronos: dias 28, 29, 30 e 31 de outubro de 2020, sempre das 16 às 18 horas, em plataforma a ser informada por e-mail aos participantes.

PROGRAMAÇÃO:

Encontro, dia 28/10, quarta-feira, das 16 às 18 horas: Acolhida, apresentação dos objetivos e programa do curso. Orientações para o trabalho final de conclusão. “Quem conta um conto, aumenta um ponto…” Origens dos contos de fadas – Teses e possibilidades. “Cinderela”, “Pele de Asno” e a universalidade dos contos de fadas. Interfaces entre a Ciência e os Contos de Fadas. A imortalidade dos contos de fadas.

2º Encontro, dia 29/10, quinta-feira, das 16 às 18 horas: Quem tem medo do lobo mau? “Chapeuzinho Vermelho”, a “Bela e a Fera” e “O Barba-Azul” – temas delicados nos contos de fadas universais.

3º Encontro, dia 30/10, sexta-feira, das 16 às 18 horas: “João e Maria”, “O Flautista de Hamelin” – Os contos de fadas e a questão social do seu tempo e de agora.

4º Encontro, dia 31/10, sábado, das 16 às 18 horas: “O Patinho Feio”. Esopo, Andersen e outras fábulas – O que nos contam os animais? Os animais nos contos de fadas universais. “Peter Pan”. A História da Infância e os Contos de Fadas.

Entrega dos trabalhos: a combinar.

Sobre o Ministrante:

Leandro Silva é ator, artista bonequeiro (filiado à Associação Brasileira de Teatro de ABTB – Centro UNIMA Brasil – União Internacional de Marionetistas – UNIMA) e diretor teatral (DRT 12.402). Mestre em Artes Cênicas pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGAC UFRGS). Graduando em História da Arte no Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (IA UFRGS). Atuou e dirigiu vários espetáculos teatrais, realizados de forma independente ou com o Grupo Fuzuê Teatro de Animação (Porto Alegre – RS). Diretor artístico do Grupo Fuzuê Teatro de Animação e do Coletivo Kayodê de Arte Negra/ Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo (Porto Alegre, RS). Entre seus trabalhos, destacam-se: “Fuzuê no Sertão Encantado” (2013-2015), “Devaneios” (2015-2016), “As Malditas” (2016), “Os Três Presentes Mágicos” (2016-2017), “Bandele” (2018) e “Wonderland Ave.” (Projeto Transit 4ª edição, 2020). Criador, encenador e diretor do projeto “Grimm Para os Pequenos” (desde 2015). Mais informações: http://www.leandrosilvabonecos.com

INFORMAÇÕES:

E-mail: contosdefadasesuasorigens@gmail.com

WhatsApp ou Telegram: (51) 98269-4614

#auxilioemergenciaPOA

#auxilioemergencialCULTURA

#SMC

Podcast Contos de Fadas e suas Origens. Tema: O Flautista de Hamelin e a Epidemia de Dança de 1518

Divulgação Redes Sociais_Podcast Contos de Fadas e suas Origens_O Flautista de Hamelin

O podcast apresenta um dos temas do curso “Contos de Fadas e suas Origens” realizado pelo artista bonequeiro e pesquisador Leandro Silva no período de 2016 a 2018, com quatro edições de muito sucesso na cidade de Porto Alegre/RS, porém com uma abordagem inédita. Neste podcast, dividido em duas partes, o artista faz uma análise do conto “O Flautista de Hamelin” e, em consonância com o contexto que estamos vivendo da epidemia global da Covid-19, faz uma conexão com o misterioso fenômeno da Epidemia de Dança de 1518, um caso de dançomania e histeria coletiva ocorrido em Estrasburgo, França, então parte do Sacro Império Romano-Germânico em julho de 1518. Lúdico e instigante, o podcast apresenta aspectos históricos, simbólicos e filosóficos sobre o tema, oferecendo aos ouvintes um momento único de formação e provocação durante a quarentena. 

Pesquisa, edição e produção: Leandro Silva

Financiamento: FAC Digital RS (FEEVALE, Pró-cultura RS/ SEDAC RS)

A realização deste trabalho atendeu todos os protocolos de prevenção à Covid-19, conforme estabelecido pela OMS e demais autoridades de saúde.

Estes podcasts foram realizados no âmbito do Edital FAC Digital, realizado pela Secretaria de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul e Universidade Feevale, através do PRÓ-CULTURA RS.

LIVE DE ENCERRAMENTO E LANÇAMENTO DE E-BOOK – OFICINA PRÁTICAS COLABORATIVAS DE ESCRITA DRAMATÚRGICA PARA TEATRO DE BONECOS

Convite_Live e Lançamento de E-book_Oficina Práticas Colaborativas de Escritas Dramatúrgicas para Teatro de Bonecos

O Grupo Fuzuê Teatro de Animação convida para uma live de encerramento da Oficina “Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos”. Na ocasião, será feito ainda o lançamento e disponibilização gratuita de um e-book com os resultados da oficina: pequenas peças, roteiros e argumentos criados pelos participantes, pensando a cena do Teatro de Bonecos em suas diversas possibilidades.

A oficina foi realizada no período de abril a junho de 2020, totalmente virtual, como resposta do Grupo Fuzuê Teatro de Animação à interrupção de seu trabalho por conta da pandemia da Covi-19. O grupo firmou uma parceria com o Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo e estava planejando para este ano a realização de duas oficinas práticas e a montagem de dois trabalhos novos de teatro de bonecos. A realização da oficina virtual foi uma estratégia para manter o grupo vivo e atuante dentro desse difícil contexto da pandemia e, ao mesmo tempo, refletir e trocar saberes sobre um tema ainda pouco pesquisado: a especificidade da escrita dramatúrgica para o Teatro de Bonecos.

SERVIÇO

Data: 08 de agosto de 2020, sábado

Horário: 10:30 às 11:30h

Canal: https://www.facebook.com/fuzueteatrodeanimacao

PROJETO LAB BONECOS

A oficina “Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos” integra o LAB BONECOS – Oficina de Formação em Teatro de Bonecos, um projeto autônomo do Grupo Fuzuê Teatro de Animação (Porto Alegre – RS) com o objetivo de oferecer formação na área de Teatro de Bonecos e seus desdobramentos e, dessa forma, contribuir com a qualificação de novos artistas bonequeiros, com a disseminação de conhecimentos acerca desta linguagem e seu maior reconhecimento.

Compõe o LAB Bonecos a realização de oficinas, cursos, seminários, vivências e residências artísticas, cujo programa será definido anualmente pelo Grupo Fuzuê Teatro de Animação. A metodologia inclui conhecimentos teóricos e práticos e o desenvolvimento de projetos individuais e coletivos de criação, com mostra de encerramento ao final (quando pertinente).

A primeira oficina do projeto LAB BONECOS, com o tema “Teatro de Bonecos de Luva”, estava prevista para iniciar-se em abril de 2020, com aula inaugural dentro da 12ª Semana do Quilombo do Sopapo, a partir de uma parceria com o Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo, nascedouro do Grupo Fuzuê Teatro de Animação. A Semana do Quilombo do Sopapo foi adiada e a parceria com o ponto de cultura para a realização de encontros presenciais inviabilizada, impactados decorrentes da grave pandemia da Covid-19. Como resposta a esta situação, o Grupo Fuzuê Teatro de Animação decidiu elaborar e lançar a oficina “Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos”, na modalidade virtual, como forma de seguirmos unidos, estudando, criando e difundindo a arte bonequeira, enquanto atravessamos a insegurança e as dificuldades instauradas pela pandemia. Acreditamos que chegaremos mais fortes e unidos do outro lado!

SOBRE O GRUPO FUZUÊ TEATRO DE ANIMAÇÃO

Companhia de fazedores, experimentadores e curiosos do Teatro de Animação e suas convergências com outras linguagens artísticas, as poéticas tecnológicas e a performance. A criação colaborativa, a convivência e a gestão compartilhada são as bases de trabalho do grupo. Participou de importantes mostras, eventos e festivais no Brasil e exterior. Entre seus trabalhos, temos os espetáculos “Fuzuê no Sertão Encantado” (2013), “Devaneios”(2015) e os projetos “COMA” e “O Mistério do Jaraguá” (em processo). Também realizou muitas oficinas e vivências de Teatro de Animação em interface com a Educação, Saúde e Terapia, realizado especialmente em parceria com o Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo.

CONTATO:

E-mail: fuzue.teatrodeanimacao@gmail.com

Página: https://fuzueteatrodeanimacao.wordpress.com

Facebook: https://www.facebook.com/fuzueteatrodeanimacao

#FicaEmCasa

INSCRIÇÕES ABERTAS! OFICINA ON-LINE “PRÁTICAS COLABORATIVAS DE ESCRITA DRAMATÚRGICA PARA TEATRO DE BONECOS”

Card_PRÁTICAS COLABORATIVAS DE ESCRITA DRAMATÚRGICA PARA TEATRO DE BONECOS

O Grupo Fuzuê Teatro de Animação comunica a abertura de inscrição para a Oficina “Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos” (modalidade virtual) com o objetivo de refletir de forma teórica e prática sobre processos colaborativos de escritas dramatúrgicas e suas especificidades no campo do Teatro de Bonecos. Tem como ponto de partida um olhar sobre o conceito, fronteiras e características do Teatro de Animação na contemporaneidade e as práticas de artistas, grupos e companhias. É voltada para a formação interna do grupo e algumas vagas para público externo.

Será realizada através da internet (estudos de textos em PDF, grupo de e-mails, encontros on-line via Zoom e outros dispositivos), de forma orientada, e atendendo as medidas de prevenção ao COVID-19 recomendadas pela Organização Mundial da Saúde, pelo Ministério da Saúde e demais autoridades competentes de saúde.

TODAS AS INFORMAÇÕES SOBRE O CURSO E INSCRIÇÕES, ATRAVÉS DO LINK: https://fuzueteatrodeanimacao.wordpress.com/cursos-e-oficinas/escrita-dramaturgica-para-teatro-de-bonecos/

A oficina é a primeira atividade “LAB BONECOS – Oficina de Formação em Teatro de Bonecos”, projeto autônomo do Grupo Fuzuê Teatro de Animação (Porto Alegre – RS) com o objetivo de oferecer formação na área de Teatro de Bonecos e seus desdobramentos e, dessa forma, contribuir com a qualificação de novos artistas bonequeiros, com a disseminação de conhecimentos acerca desta linguagem e seu maior reconhecimento.

A primeira oficina do projeto LAB BONECOS, com o tema “Teatro de Bonecos de Luva”, estava prevista para iniciar-se em abril de 2020, com aula inaugural dentro da 12ª Semana do Quilombo do Sopapo, a partir de uma parceria com o Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo, nascedouro do Grupo Fuzuê Teatro de Animação. A Semana do Quilombo do Sopapo foi adiada e a parceria com o ponto de cultura para a realização de encontros presenciais inviabilizada, impactados decorrentes da grave pandemia da Covid-19. Como resposta a esta situação, o Grupo Fuzuê Teatro de Animação decidiu elaborar e lançar a oficina “Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos”, na modalidade virtual, como forma de seguirmos unidos, estudando, criando e difundindo a arte bonequeira, enquanto atravessamos a insegurança e as dificuldades instauradas pela pandemia. Acreditamos que chegaremos mais fortes e unidos do outro lado!

#FicaEmCasa

Sonhar e resistir em tempos de pandemia: Grupo Fuzuê Teatro de Animação mantém seus encontros e projetos através da internet

O Grupo Fuzuê Teatro de Animação (Porto Alegre – RS) teve seu planejamento para o ano fortemente impactado pelo surto da Covid-19, declarado como uma pandemia pela OMS, como tem sido a realidade de muitos outros grupos e coletivos artísticos do Brasil e do mundo.

Design sem nome

Grupo Fuzuê Teatro de Animação em encontro virtual. #FicaEmCasa

Em reunião virtual realizada hoje, dia 28/03, os membros do coletivo refletiram sobre a atual conjuntura, dialogaram sobre suas condições de vida pessoal e artística em meio à quarentena e articularam como retomar seus projetos. Participaram do encontro virtual todos os membros: Leandro Silva, Marion Santos, Julia Santos, Marco Marchessano, Lizandra Ayello, Oscar Luz e Richard Lipke. Contamos ainda com a participação de Leandro Anton, coordenador do Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo, parceiro do Grupo Fuzuê Teatro de Animaçãao, e participações especiais dos gatos de cada um, que volta e meia davam o ar da graça nas câmeras para alegrar os debates.

Basicamente, três ações do Grupo Fuzuê Teatro de Animação foram diretamente impactadas pela pandemia: o lançamento do LAB BONEECOS, projeto de formação de bonequeiros com duas oficinas previstas para este ano, a ser realizado no Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo (suspenso e com datas de realização adiadas) e a retomada da criação e montagem de seus dois novos trabalhos: “O Mistério do Jaraguá” e “COMA”(já em processo há mais de um ano).

A finalização e estreia dos espetáculos e a realização de duas oficinas previstas do LAB BONECOS (“Teatro de Bonecos de Luva” e “O Ator Animador”) serão adiadas até a normalidade do cotidiano, quando esperamos ter a pandemia superada. E como forma de seguir trabalhando neste período, o Grupo Fuzuê Teatro de Animação lançará uma nova oficina, a ser realizada de forma virtual e com orientação do diretor Leandro Silva: “Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos”.

A oficina “Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos” tem por objetivo refletir de forma teórica e prática sobre práticas de escritas dramatúrgicas e refletir sobre as suas especificidades no campo do Teatro de Bonecos. Tem como ponto de partida um olhar sobre o conceito, fronteiras e características do Teatro de Animação na contemporaneidade e as práticas de artistas, grupos e companhias. Será voltada para a formação interna do grupo e algumas vagas para público externo, e realizada através da internet (grupo de e-mails, encontros on-line via Zoom e outros dispositivos), de forma orientada e atendendo as medidas de prevenção ao COVID-19 recomendadas pela Organização Mundial da Saúde, pelo Ministério da Saúde e demais autoridades competentes de saúde.

Compõe a realização do curso: leituras orientadas de textos, debates virtuais e a composição de enredos e peças para Teatro de Bonecos. Ao final, os materiais compostos durante a oficina serão revisados e disponibilizados através de um e-book, a ser distribuído para acesso e download gratuito na página do Grupo Fuzuê Teatro de Animação.

O Grupo Fuzuê Teatro de Animação seguirá seus encontros virtuais até o final da pandemia, mantendo viva sua rede de afetos e parcerias e renovamos o otimismo e as energias. Logo os nossos bonecos sairão das caixas!

As inscrições para público externo da oficina virtual “Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos” serão abertas em breve.

SOBRE O LAB BONECOS

LAB BONECOS – Oficina de Formação em Teatro de Bonecos é um projeto autônomo do Grupo Fuzuê Teatro de Animação (Porto Alegre – RS) com o objetivo de oferecer formação na área de Teatro de Bonecos e seus desdobramentos e, dessa forma, contribuir com a qualificação de novos artistas bonequeiros, com a disseminação de conhecimentos acerca desta linguagem e seu maior reconhecimento.

Compõe o LAB Bonecos a realização de oficinas, cursos, seminários, vivências e residências artísticas, cujo programa será definido anualmente pelo Grupo Fuzuê Teatro de Animação. A metodologia inclui conhecimentos teóricos e práticos e o desenvolvimento de projetos individuais e coletivos de criação, com mostra de encerramento ao final (quando pertinente).

OFICINAS PREVISTAS

Para o período 2020-2021, o LAB Bonecos realizará três oficinas formativas:

Oficina 1 – Práticas Colaborativas de Escrita Dramatúrgica para Teatro de Bonecos.

Virtual, a ser realizado no contexto do surto da pandemia causado pela Covid-19. A atividade, voltada para a formação interna do grupo e com possibilidade de abertura de vagas externas, será realizado através da internet (grupo de e-mails, encontros on-line via Zoom), de forma orientada e atendendo as medidas de prevenção ao COVID-19 recomendadas pela Organização Mundial da Saúde, pelo Ministério da Saúde e demais autoridades competentes de saúde.

Plano da Oficina e abertura das inscrições: em breve.

Oficina 2 – Teatro de Bonecos de Luva: Construção, Animação e Dramaturgia.

Presencial, a ser realizado em parceria com a Associação Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo (adiada).

Plano da Oficina: em breve.

Oficina 3 – O Ator Animador.

Presencial, a ser realizado em parceria com a Associação Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo (adiada).

Plano da Oficina: em breve.

Ficha Técnica:

Coordenação Pedagógica: Leandro Silva

Oficineiros e Colaboradores: Leandro Silva, Marion Santos, Julia Santos, Marco Marchessano, Richard Lipke, Lizandra Ayello e convidados.

Parceiro: Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo

Reabertas as inscrições! Oficina Teatro Percussivo – Projeto Comunicação e Arte: Uma Onda no Ar do Quilombo do Sopapo

76200543_2552408591507816_694658746210582528_o

Performance Festiva de Boneco Gigante e Rua “A Andarilha” (2019). Fotografia: Leandro Artur Anton

Comunicamos a reabertura de inscrições para interessados em participar da Oficina “Teatro Percussivo”, realizado pelo Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo no âmbito do projeto “Comunicação e Arte: Uma Onda no Ar do Quilombo do Sopapo” (convênio com a Secretaria de Estado da Cultura).

A oficina tem como objetivo promover FORMAÇÃO de interessados em vista da construção da peça teatral “Um Sonho de Liberdade”, espetáculo percussivo com Tambores de Sopapo e Bonecos Gigantes, a ser estreado e apresentado no primeiro semestre de 2020.

A ação é coordenada por Beatriz Rosa, percussionista e contadora de histórias e a direção do espetáculo é de Leandro Silva, artista bonequeiro e diretor teatral, ambos educadores do ponto de cultura.

Para se inscrever, basta enviar nome completo e contato para o e-mail: quilombodosopapo@gmail.com

Programação dos próximos encontros:

• 25/01, das 14:30 às 16h – Oficina de manutenção de bonecos gigantes, com Edu Nascimento.
• 01/02, das 14:30 às 16h – Oficina de manutenção de bonecos gigantes, com Edu Nascimento.
• 08/02, das 14:30h às 16h – Argumento e dramaturgia do espetáculo “Um Sonho de Liberdade”, com Leandro Silva e Beatriz Rodrigues
• 15/02, das 14:30 às 16h – Argumento e dramaturgia do espetáculo “Um Sonho de Liberdade”, com Leandro Silva e Beatriz Rodrigues

Participe!
#QuilomboDoSopapoSempre

Evento FB: https://www.facebook.com/events/1454679201339844

A Oficina de Teatro Percussivo é uma atividade realizada através do projeto Comunicação e Arte: Uma Onda no Ar do Quilombo do Sopapo por meio de convênio com a Secretaria de Estado da Cultura e da luta comunitária pela Cultura Viva.

rodapé-site-comunicaçao-e-arte

OFICINA TEATRO PERCUSSIVO | PROJETO COMUNICAÇÃO E ARTE

CARD FACE OFICINA TEATRO

O Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo, por meio de convênio com a Secretaria de Estado da Cultura e da luta comunitária pela Cultura Viva, no âmbito do projeto “Comunicação e Arte: Uma Onda no Ar do Quilombo do Sopapo” abre vagas para a oficina de TEATRO PERCUSSIVO, no dias 07 e 14 de dezembro de 2019, sábados, das 16:30 às 18h, na sede do ponto de cultura.

A oficina tem como objetivo promover FORMAÇÃO INICIAL de interessados em vista da construção da peça teatral “Um Sonho de Liberdade”, espetáculo percussivo com Tambores de Sopapo e Bonecos Gigantes, a ser estreado e apresentado no primeiro semestre de 2020.

76200543_2552408591507816_694658746210582528_o

Performance Festiva de Boneco Gigante e Rua “A Andarilha” (2019). Fotografia: Leandro Artur Anton.

Os encontros serão ministrados por Beatriz Rosa, percussionista e contadora de histórias e Leandro Silva, artista bonequeiro e diretor teatral, ambos educadores do ponto de cultura.

PRÉ-INSCRIÇÃO: Enviar nome completo e contato para o e-mail quilombodosopapo@gmail.com. As inscrições deverão ser confirmadas presencialmente no encontro do dia 07/12. AS INSCRIÇÕES SÃO GRATUITAS.

A Oficina de Teatro Percussivo é uma atividade realizada através do projeto Comunicação e Arte: Uma Onda no Ar do Quilombo do Sopapo por meio de convênio com a Secretaria de Estado da Cultura e da luta comunitária pela Cultura Viva.

Participe!
#QuilomboDoSopapoSempre

Evento FB: https://www.facebook.com/events/1454679201339844

Bandele é premiado como MELHOR ESPETÁCULO Categoria Infantil no 8º Festival Nacional de Teatro do Piauí

73333389_2169751196651470_6692683525440667648_n

O espetáculo Bandele da Trupi de Trapu Teatro de Bonecos recebeu 06 indicações e terminou premiado como o MELHOR ESPETÁCULO na Categoria Infantil do Festival Nacional de Teatro do Piauí, realizado no período de 16 a 20 de outubro em Floriano, Piauí. Confira:

PREMIAÇÃO: Melhor Espetáculo

INDICAÇÕES:

– Melhor Atriz (Mari Falcão)

– Melhor Ator (Anderson Gonçalves)

– Melhor Diretor (Leandro Silva)

– Melhor Texto (Eleonora Medeiros)

– Melhor Figurino (Mari Falcão e Marion Santos)

* O espetáculo não concorreu à categoria de Melhor Maquiagem.

A companhia Trupi de Trapu Teatro de Bonecos também ministrou, dentro da programação do festival, a oficina “Processos Teatrais Híbridos”, onde compartilhou com acadêmicos de Pedagogia os procedimentos de criação do espetáculo Bandele e as possibilidades de aplicação destes em processos educacionais. 

Confira o RESULTADO OFICIAL do 8º Festival Nacional de Teatro do Piauí em: https://www.escalet.com.br/noticia/61-RESULTADO-OFICIAL-DO-8%C2%BA-FESTIVAL-NACIONAL-DE-TEATRO-DO-PIAUI-